25/07/2017

A FEPESP encomendou com o escritório de advocacia LBS Loguercio Beiro Suriman relatório detalhado e analítico sobre as mudanças que ocorrerão na CLT a partir de novembro, quando a Reforma Trabalhista passar a vigorar no Brasil.

Professores, atentem-se às novas condições de trabalho que irão enfraquecer as relações de trabalho, os sindicatos e a categoria.

Para ter acesso ao documento na íntegra, PL 6787-2016_Redação Final_27-04-17.

Na terceira coluna da tabela há uma análise do escritório sobre o impacto que a mudança acarretará na relação trabalhista.